Os serviços de segurança eletrônica são necessários para praticamente todas as residências ou empresas. Felizmente, existem sistemas disponíveis para ajudar a aumentar a segurança, a praticidade e o conforto dos moradores. Um desses serviços é o de vídeo vigilância, também conhecido por CFTV (Circuito Fechado de Televisão).

De forma resumida, todas as filmagens registradas pelas câmeras são enviadas para uma central onde estão os monitores de televisão. Entretanto, hoje em dia os sistemas estão muito além de apenas monitorar as imagens.

Cada vez mais a tecnologia é uma aliada necessária da segurança, que se aproveita dos avanços para levar mais proteção às casas e às empresas. Assim, já é possível ter uma análise de vídeo em tempo real e também desenvolver rotinas automatizadas para que os operadores do CFTV recebam alertas em tempo real de alguma situação de risco, como furtos ou invasões.

No artigo desta semana, te apresento os dez fatos curiosos sobre esse sistema que faz parte dos serviços oferecidos na Eccellenza – uma empresa que busca atualizações constantes em seu parque tecnológico.

Os dez fatos curiosos sobre CFTV

1 – Muita gente pensa que elas foram fabricadas há pouco tempo, mas foi em 1942 que as câmeras de segurança foram criadas. A partir da década de 1960, elas ganharam o gosto popular e desde então seguem modernizando.

2 – A primeira câmera de segurança não foi usada para a prevenção de crimes, mas sim para assistir ao lançamento de um foguete. Isso mesmo, ela foi instalada na Alemanha em um foguete chamado V2.

3 – Foi em 1992 que o sistema de videovigilância passou a ser usado na cidade de Nova York, nos Estados Unidos, em um distrito de negócios com o objetivo de combater e impedir os crimes que aconteciam no local.

4 – As redes de banco foram as primeiras a instalar as câmeras de segurança.

5 – O ano de 1996 foi marcado pelo lançamento da câmera modelo IP – aquelas que permitem a conexão direta com internet por cabeamento de rede ou wi-fi.

6 – Segundo informações da Revista de Segurança Eletrônica, o Reino Unido conta com 4 milhões de câmeras, equivalente a 20% das instalações de câmeras de vigilância de todo o mundo. É como se existisse uma câmera para cada 11 pessoas.

7 – De acordo com a revista, quase 70% dos assaltos podem ser dissuadidos com a instalação do CFTV.

8 – Já são mais de 25 milhões de câmeras de vigilância operando em todo o mundo.

9 – Além de residências e condomínios, existem indústrias que monitoram áreas onde apresentam muito risco, como as usinas nucleares e fábricas de produtos químicos.

10 – A década de 1990 foi marcada por um sistema capaz de gravar várias imagens simultaneamente. Dessa forma, elas passaram a ser armazenadas em discos rígidos, simplificando o armazenamento e o acesso das imagens.

https://eccellenzaseg.com.br/#contato

As câmeras de segurança são parte integrante da maioria dos sistemas de monitoramento modernos. Elas provaram ser eficazes na prevenção do crime e ajudam autoridades a resolverem crimes e situações de risco.

O sistema de vídeo vigilância é uma ótima maneira de garantir a segurança de sua casa e de sua família quando você não está lá para supervisionar.

Gostou do conteúdo e dos fatos? Compartilhe com quem tem curiosidade ou deseja fazer a instalação de câmeras de segurança. Em caso de dúvida, entre em contato com o time de profissionais da Eccellenza.

 

Carlos Alberto Silva Sobrinho
Consultor de Segurança
Diretor administrativo e operacional

Deixe um comentário